Publicado por: Eduardo Bezerra | Março 18, 2010

A Tamarineira nos Versos do Kid Dodó

Tem vezes que fico revisitando minhas amizades e me perguntando o que fiz demais pra ter esse conluio de cabras safados que povoam a agenda do meu celular. Domício é um deles. Perigoso, sanitarista matador da cidade de Floresta, agora inventou de ser poeteiro. Arretou-se com a história da venda da Tamarineira e saiu chutando o pau da barraca de forma rimada.

Brincadeiras a parte, Kid Dodó é um dos sanitaristas mais talentosos que Pernambuco produziu ultimamente. Tem a alma pura do sertanejo nascido, literalmente, no meio do mato. É daqueles caras que merece batizar uma rua da grande metrópole de Floresta. Só tem dois defeitos sérios: é tricolor e amigo de Alexandre David.

__________________________________________________________________________________________
Segue meu protesto em versos:

Mote do Poeta Jorge Filó:

A SANTA SEM DEVOÇÃO
VENDEU A TAMARINEIRA

e

Versos do Sanitarista Domício Sá

TAMARINEIRA, loucos por ela!

I
“Vocês não podem servir
A Deus e ao dinheiro”
A igreja prega o primeiro,
Mas é diferente no agir.
Sem pensar em dividir,
Ela nunca dá bobeira.
Renda é palavra derradeira,
Sem temer a destruição
A SANTA SEM DEVOÇÃO
VENDEU A TAMARINEIRA

II
Entre Deus e o dinheiro,
A Igreja fez a escolha:
Meu “verde” não é de folha,
Chame logo o engenheiro!
O shopping é capital financeiro
Depois de expulsar a doideira,
Árvore vai virar madeira
Podendo até fazer carvão
A SANTA SEM DEVOÇÃO
VENDEU A TAMARINEIRA

III
Pra que essa natureza?
Doido não precisa de jardim!
É melhor pensar assim
E garantir nossa riqueza
De que adianta beleza,
Se ela não enche carteira
Vamos falar sem brincadeira
Disse o Bispo, antes da decisão
A SANTA SEM DEVOÇÃO
VENDEU A TAMARINEIRA
IV
É grande a contradição!
Por isso não fico calado.
Vendo a Igreja no mercado
A SANTA SEM DEVOÇÃO
É tanta religião,
Mas falta fé verdadeira.
Como se vai à feira,
O Bispo arranjou um sócio
Pra faturar no negócio
VENDEU A TAMARINEIRA

V
A SANTA SEM DEVOÇÃO
VENDEU A TAMARINEIRA
Por isso tomemos à dianteira
Lutar contra essa decisão
Não ao shopping na região
A batalha não tá perdida,
Nem a história será esquecida
O parque é da Cidade,
“Verde” é vida com qualidade
Quem é de Deus defende a vida!

VI
Não trará desenvolvimento
Um comércio nesse lugar
O trânsito vai parar
Com tanto engarrafamento;
Poluição e muito cimento
A Cidade já tem mazela
Preservar a natureza bela
Vamos defender essa bandeira
AMIGOS DA TAMARINEIRA
SOMOS LOUCOS POR ELA

Domício Sá
Fiocruz-PE


Responses

  1. Vejam só os amigos que eu tenho. Pelo menos mostra que respeito a diversidade.
    O cabra me chama de safado; perigoso; matador…Quanto ao kid dodó, nem precisa dizer que o frango não sou eu. Fica claro que é coisa de rubro-negro mesmo!
    Depois o peste ainda vem quer babar meu ovo…é um cabra safado mesmo, tá vendo Alexandre?
    Só vou perdoar por ele me chamou de matuto. Isso sim, é um elogio arretado! Valeu véi!
    Domicio

  2. Não vou responder por medo das retaliações que podem colocar minha vida em risco.

  3. olá!odiei os versos
    pois queria versinhos falando sobre as cidades por que presciso fazer pq os nossos versinhos vão pra BRASILIA mas não achei !”isso é podre!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: